Educaçâo

Cidade do Piauí perde 10% dos moradores em 6 anos

No caminho inverso de crescimento populacional da maioria dos municípios, em 33 cidades houve decréscimo demográfico. A maior redução se registrou em Novo Santo Antônio, um dos menos populosos municípios do Piauí, que teve uma queda de 10,12% no número de moradores, saindo de 3.260 em 2010 para 2.930 em 2016.
Novo Santo Antônio é uma cidade próxima de Alto Longá, onde durante a estação das águas surgem algumas das mais belas cachoeiras do Piauí.
O menor município piauiense em temos demográficos, Miguel Leão, ficou ainda menor em seis anos, saindo de uma população de 1.253 para 1.231 pessoas – um recuo de 1,75%.
Em Alegrete do Piauí, o recuo populacional foi ainda maior: 6,2%, saindo de 5.153 em 2010 para 4.835 residentes neste ano. Foi praticamente a mesma queda de Paquetá do Piauí, onde a população decresceu 6,1% entre 2010 (4.147 moradores) e 2016 (3.893).
Além de Novo Santo Antônio, Miguel Leão, Alegrete e Paquetá, tiveram redução populacional os municípios de Agricolândia, Aroazes, Arraial, Brejo do Piauí, Buriti dos Montes, Canavieira do Piauí, Elesbão Veloso, Francisco Ayres, Geminiano, Jacobina do Piauí, Jerumenha, Landri Sales, Milton Brandão, Nazaré do Piauí, Novo Oriente do Piauí, Olho D’Água do Piauí, Pajeú do Piauí, Palmeira do Piauí, Passagem Franca do Piauí, Pavussu, Santana do Piauí, São Félix do Piauí, São João da Serra, São José do Peixe, Sebastião Barros, Socorro do Piauí, Várzea Branca, Várzea Grande e Vila Nova do Piauí.

Parnaiba em Foco Todos direitos reservados http://www.reavendonoticiaesports.com/ Copyright © 2012 - 2015

Imagens de tema por friztin. Tecnologia do Blogger.